Uncategorized

Vacinados têm desconto! Veja as iniciativas de empresas para aumentar imunização

De pizza a limpeza de sofá, passando por depilação: empresas dos mais diversos segmentos estão oferecendo desconto para quem tomar...
Leia mais
Uncategorized

Prova de vida do INSS: aposentados têm 3 dias para realizar a comprovação

Os aposentados, pensionistas e beneficiários de auxílios do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) que deveriam fazer prova de vida até...
Leia mais
Uncategorized

Casal é executado com mais de 35 tiros na fronteira do Paraguai

Um casal foi executado com mais de 35 tiros em uma choperia, na cidade de Pedro Juan Caballero, no Paraguai,...
Leia mais
Uncategorized

Polícia apreende mais de 1,6 quilo de cocaína e revólver em Petrolina

Foto: 2º BIEsp/divulgação Uma ação realizada pelo 2º Batalhão Integrado Especializado (BIEsp) em Petrolina, na última segunda-feira (26), resultou na...
Leia mais
Uncategorized

Plantação de maconha é erradicada em distrito de Casa Nova

Fotos: PCBA/divulgação Uma plantação com mais de mil pés de maconha foi erradicada na segunda-feira (26), no povoado de Santana...
Leia mais
Uncategorized

Covid-19: Pernambuco começa a distribuir novas doses de vacinas aos municípios nesta quarta-feira

Pernambuco deve receber, nesta quarta-feira (28), 94.770 unidades da Pfizer, a quantidade que falta para completar as 506 mil doses...
Leia mais
Uncategorized

Insatisfeitos, policiais civis de Pernambuco deflagram operação-padrão

Os policiais civis de Pernambuco decidiram, em assembleia nesta terça-feira (27), deflagrar uma operação-padrão. E também há uma promessa de...
Leia mais
Uncategorized

Caixa paga hoje auxílio emergencial a nascidos em outubro

Trabalhadores informais nascidos em outubro recebem hoje (28) a quarta parcela da nova rodada do auxílio emergencial. O benefício tem...
Leia mais
Uncategorized

Covid-19: Adolescentes entre 12 a 17 anos serão incluídos na vacinação

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, anunciou hoje (27) que adolescentes de 12 a 17 anos serão incluídos no Plano Nacional de...
Leia mais
Uncategorized

INSS reduz fila do auxílio-doença, mas número de negados cresce

O Instituto Nacional de Seguridade Social vem investindo par reduzir a fila da perícia médica para quem deseja garantir o...
Leia mais
Uncategorized

Joice se recusou a fazer exame toxicológico pedido pela polícia

A deputada federal Joice Hasselmann se recusou a fazer um exame toxicológico no Instituto Médico Legal (IML) do Distrito Federal....
Leia mais
Uncategorized

Covid-19: país ultrapassa 550 mil mortes e tem 19,7 milhões de casos

O país ultrapassou ontem (26) a marca de 550 mil mortos pela covid-19. O balanço divulgado ontem pelo Ministério da...
Leia mais
b22b4e93-0467-467c-a1aa-23aaeff4d789

Câmara barra supersalários no poder público e pode economizar R$ 10 bi por ano

O plenário da Câmara dos Deputados aprovou nesta terça-feira (13) o projeto que restringe e regulamenta os supersalários no poder público. Por unanimidade, os partidos orientaram voto a favor da proposta, que estava pronta para ir a plenário desde 2018. O relator do texto é o deputado Rubens Bueno (Cidadania-PR), que estima uma economia de R$ 3 bilhões até R$ 10 bilhões ao ano.

Bueno argumenta que era necessário derrubar os chamados “penduricalhos” dos salários de servidores de várias categorias. O parlamentar calcula 30 tipos de pagamentos diversos, considerados indenizações, direitos adquiridos ou ressarcimentos, que extrapolam o teto salário do funcionalismo.

Agentes públicos do governos federal, estadual e municipal e do Executivo, Legislativo e Judiciário serão atingidos. Estão inseridos o Ministério Público e a Defensoria Pública. Representantes de entidades ligadas ao Judiciário circularam pelo Congresso nesses dias.

O projeto irá voltar para o Senado , onde será votado e segue depois para sanção do presidente Jair Bolsonaro .

“Não é possível mais admitir que, por meio centenas de penduricalhos dos mais variados tipos, uma pequena casta chegue a receber salários de mais de R$ 100 mil por mês. Barramos centenas desses auxílios, que agora não podem mais fazer com que os salários ultrapassem o teto. Se não está nessa lista, o auxílio vai passar pelo corte. É bom que fique claro que não estamos estabelecendo o valor que deve ser pago para cada auxílio e sim criando travas que impedem que essas verbas indenizatórias ultrapassem de forma escandalosa e sem critérios o teto constitucional para permitir o pagamento dos chamados supersalários”, afirmou Rubens Bueno. Por Agência O Globo

Deixe um comentário