Uncategorized

Vacinados têm desconto! Veja as iniciativas de empresas para aumentar imunização

De pizza a limpeza de sofá, passando por depilação: empresas dos mais diversos segmentos estão oferecendo desconto para quem tomar...
Leia mais
Uncategorized

Prova de vida do INSS: aposentados têm 3 dias para realizar a comprovação

Os aposentados, pensionistas e beneficiários de auxílios do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) que deveriam fazer prova de vida até...
Leia mais
Uncategorized

Casal é executado com mais de 35 tiros na fronteira do Paraguai

Um casal foi executado com mais de 35 tiros em uma choperia, na cidade de Pedro Juan Caballero, no Paraguai,...
Leia mais
Uncategorized

Polícia apreende mais de 1,6 quilo de cocaína e revólver em Petrolina

Foto: 2º BIEsp/divulgação Uma ação realizada pelo 2º Batalhão Integrado Especializado (BIEsp) em Petrolina, na última segunda-feira (26), resultou na...
Leia mais
Uncategorized

Plantação de maconha é erradicada em distrito de Casa Nova

Fotos: PCBA/divulgação Uma plantação com mais de mil pés de maconha foi erradicada na segunda-feira (26), no povoado de Santana...
Leia mais
Uncategorized

Covid-19: Pernambuco começa a distribuir novas doses de vacinas aos municípios nesta quarta-feira

Pernambuco deve receber, nesta quarta-feira (28), 94.770 unidades da Pfizer, a quantidade que falta para completar as 506 mil doses...
Leia mais
Uncategorized

Insatisfeitos, policiais civis de Pernambuco deflagram operação-padrão

Os policiais civis de Pernambuco decidiram, em assembleia nesta terça-feira (27), deflagrar uma operação-padrão. E também há uma promessa de...
Leia mais
Uncategorized

Caixa paga hoje auxílio emergencial a nascidos em outubro

Trabalhadores informais nascidos em outubro recebem hoje (28) a quarta parcela da nova rodada do auxílio emergencial. O benefício tem...
Leia mais
Uncategorized

Covid-19: Adolescentes entre 12 a 17 anos serão incluídos na vacinação

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, anunciou hoje (27) que adolescentes de 12 a 17 anos serão incluídos no Plano Nacional de...
Leia mais
Uncategorized

INSS reduz fila do auxílio-doença, mas número de negados cresce

O Instituto Nacional de Seguridade Social vem investindo par reduzir a fila da perícia médica para quem deseja garantir o...
Leia mais
Uncategorized

Joice se recusou a fazer exame toxicológico pedido pela polícia

A deputada federal Joice Hasselmann se recusou a fazer um exame toxicológico no Instituto Médico Legal (IML) do Distrito Federal....
Leia mais
Uncategorized

Covid-19: país ultrapassa 550 mil mortes e tem 19,7 milhões de casos

O país ultrapassou ontem (26) a marca de 550 mil mortos pela covid-19. O balanço divulgado ontem pelo Ministério da...
Leia mais
b22b4e93-0467-467c-a1aa-23aaeff4d789

Governo Federal sanciona lei que pretende evitar superendividamento da população

O Governo Federal sancionou, nesta sexta-feira (2), um Projeto de Lei que estabelece novas regras que pretendem prevenir o superendividamento dos consumidores. O texto, aprovado por deputados e senadores, recebeu alguns vetos e ainda será publicado no Diário Oficial da União. A norma altera o Código de Defesa do Consumidor e o Estatuto do Idoso.

A lei estabelece que qualquer compromisso financeiro assumido dentro das relações de consumo pode levar uma pessoa ao superendividamento. Nesse rol estão, por exemplo, operações de crédito, compras a prazo e serviços de prestação continuada. A lista inclui ainda dívidas contraídas por fraude, má-fé, celebradas propositalmente com a intenção de não pagamento ou relativas a bens e serviços de luxo não são contempladas na proposta.

Pelo texto, os contratos de crédito e de venda a prazo devem informar dados envolvidos na negociação como taxa efetiva de juros, total de encargos e montante das prestações. O projeto também proíbe que ofertas de crédito ao consumidor usem os termos como “sem juros”, “gratuito”, “sem acréscimo” e “com taxa zero”, mesmo que de forma implícita. Apesar disso, esse ponto não se aplica à oferta para pagamentos feitos com cartão de crédito.

Regras

Com o novo regramento, empresas ou instituições que oferecerem crédito também ficam proibidas de assediar ou pressionar o consumidor para contratá-la, inclusive por telefone, e principalmente se o consumidor for idoso, analfabeto ou vulnerável ou se a contratação envolver prêmio. Elas também não podem ocultar ou dificultar a compreensão sobre os riscos contratação do crédito ou da venda a prazo.

Outra proibição diz respeito à indicação de que a operação de crédito pode ser concluída sem consulta a serviços de proteção ao crédito ou sem avaliação da situação financeira do consumidor. (Fonte: Agência Brasil)

Deixe um comentário