Uncategorized

Reinventar é o verbo mais conjugado dos professores

Após um ano e meio de ensino exclusivamente remoto, desde agosto deste ano, muitas das instituições de ensino escolar retornaram...
Leia mais
Uncategorized

Alepe: Projeto determina que hospitais e médicos informem direitos a gestantes

Gestantes atendidas pela rede pública de saúde em Pernambuco deverão ser informadas sobre todos os direitos legais garantidos a elas...
Leia mais
Uncategorized

Estados querem que mudança no ICMS dos combustíveis seja rejeitada no Senado

Os estados defendem que o Senado rejeite o projeto de lei que promove alterações no cálculo do ICMS sobre os...
Leia mais
Uncategorized

Bares, restaurantes e eventos podem funcionar até 2h da manhã em Pernambuco

A partir desta sexta-feira (15), bares, restaurantes e eventos poderão funcionar até 2h da manhã em Pernambuco. A nova flexibilização...
Leia mais
Uncategorized

Araripina: Estado conclui primeira etapa de requalificação do aeroporto

Foto: divulgação Mais um importante passo foi dado no sentido de garantir o fortalecimento e a consolidação da aviação regional...
Leia mais
Uncategorized

Lei que prorroga medidas excepcionais na educação é sancionada

O presidente Jair Bolsonaro sancionou nesta quarta-feira (13) a lei que amplia até o fim do ano letivo de 2021...
Leia mais
Uncategorized

Pernambuco registra 171 casos e dois óbitos pela Covid-19

Foto: Silvio Ávila/AFP Pernambuco registrou nesta quarta-feira (13), duas mortes e 171 casos da Covid-19. De acordo com os novos...
Leia mais
Uncategorized

Senado aprova medidas de proteção a vítimas de violência doméstica

O Senado aprovou nesta quarta (13) um projeto de lei (PL) que amplia a proteção a vítimas de violência doméstica...
Leia mais
Uncategorized

Covid-19: Brasil tem 601,5 mil mortes e 21,59 milhões de casos

O número de pessoas que perderam a vida para a pandemia de covid-19 chegou a 601.574. Em 24 horas, as...
Leia mais
Uncategorized

Brasil ultrapassa 100 milhões de pessoas com ciclo vacinal completo

O Brasil ultrapassou a marca de 100 milhões de pessoas com o ciclo vacinal contra a covid-19 completo. O termo...
Leia mais
Uncategorized

Secretaria de Educação de Pernambuco anuncia concurso com 3,5 mil vagas

Foto: Aldo Carneiro/Pernambuco Press A Secretaria Estadual de Educação anunciou, nesta quarta-feira (13), concurso público com 3,5 mil vagas para...
Leia mais
Uncategorized

PRF registra queda de 21% em acidentes graves durante o feriado em rodovias federias

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) divulgou nesta quarta-feira (13) os números da Operação Nossa Senhora Aparecida, realizada todos os anos...
Leia mais
b22b4e93-0467-467c-a1aa-23aaeff4d789

Família não pega corpo de Lázaro e ele pode ser enterrado como indigente

Até o fim da tarde desta terça-feira (29), a família de Lázaro Barbosa, de 32 anos, que ficou conhecido como o ‘Serial Killer do Distrito Federal’, não tinha comparecido ao Instituto Médico Legal (IML) de Goiânia para retirar o corpo. O criminoso foi morto na manhã de segunda-feira (28) após ser atingido por 39 dos 125 tiros dados pelos policiais.

Ele vinha sendo caçado havia 20 dias, depois de assassinar uma família em Ceilândia (DF). O corpo passou por perícia e desde a noite de segunda está liberado para sepultamento.

O prazo para a retirada do cadáver é de 30 dias, após o qual Lázaro poderá ser enterrado como indigente, em cova comum. Familiares, no entanto, ainda assustados com a repercussão do caso, estariam esperando alguns dias para evitar possível reação de moradores durante o sepultamento.

O IML funciona de forma ininterrupta e o corpo pode ser retirado inclusive durante a noite. A expectativa é de que o cadáver seja levado para sepultamento em Edilândia, bairro rural de Cocalzinho de Goiás, onde está sepultado um irmão de Lázaro.

Uma tia do falecido, Zilda Maria de Sousa, disse que a mãe de Lázaro gostaria de realizar o velório e sepultamento em Barra dos Mendes, no interior da Bahia, onde ele nasceu e onde ainda mora a maior parte da família. No entanto, a família não tem recursos para o translado. Segundo a tia, muitos familiares não irão ao velório, em Goiás, por medo de serem linchados pela população ou por parentes das vítimas.

Deixe um comentário