Uncategorized

Nova carteira de identidade começa a ser emitida em 4 de agosto

O governo federal divulgou nesta segunda-feira (27) os novos modelos da carteira de identidade e passaporte. A Carteira de Identidade...
Leia mais
Uncategorized

Vale-gás deve dobrar de valor e passar a ser mensal com novo pacote dos combustíveis

Parlamentares governistas avaliam garantir a concessão do vale-gás todos os meses. Hoje, o governo paga 50% do valor do botijão a cada dois meses....
Leia mais
Uncategorized

67% desaprovam a gestão do governador Paulo Câmara, diz pesquisa Real Time Big Data

A pesquisa eleitoral Real Time Big Data, divulgada ao fim desta segunda-feira (27), divulgou, além da intenção de voto para...
Leia mais
Uncategorized

Litro da gasolina em Pernambuco bate os R$ 8,30. Veja onde está mais barato

Por Lucas Moraes/JC O primeiro levantamento da Agência Nacional de Petróleo, Gás e Biocombustíveis (ANP) após o último aumento praticado...
Leia mais
Uncategorized

Desde 1989, pesquisas feitas a 100 dias das eleições acertaram 6 de 8 resultados

Metrópoles A mais recente pesquisa do Instituto Datafolha foi divulgada a 100 dias das eleições, marcadas para 2 de outubro....
Leia mais
Uncategorized

Mais de 60 mil professores de Pernambuco receberão atrasados do Fundef em 2022

Os professores do Estado de Pernambuco já vão receber os primeiros recursos dos atrasados do Fundef em suas contas de...
Leia mais
Uncategorized

Paulo Guedes sugere CPI para investigar repasses da União aos estados

Em meio à perspectiva da instauração da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) devido à série de denúncias de corrupção no...
Leia mais
Uncategorized

Estados e DF acionam STF contra lei que limita cobrança de ICMS

Os governadores de 11 estados e do Distrito Federal decidiram acionar o Supremo Tribunal Federal (STF) contra a lei, sancionada nesta...
Leia mais
Uncategorized

Caged: país registra saldo de 277 mil novas vagas formais de trabalho

Em maio deste ano, o Brasil registrou um saldo de 277.018 novos empregos formais. Segundo os dados do Novo Caged...
Leia mais
Uncategorized

EUA: 46 pessoas são encontradas mortas dentro de caminhão; vítimas seriam imigrantes

Mais de 40 pessoas foram encontradas mortas em uma carreta de um caminhão perto da cidade de San Antonio, no...
Leia mais
Uncategorized

Paulo Câmara anuncia pacote de benefícios para a educação

FOTO: Arquivo O governador Paulo Câmara sancionou, nesta segunda-feira (27.06), sete leis que beneficiam profissionais e estudantes pernambucanos. Entre os...
Leia mais
Uncategorized

Beneficiários com NIS final 8 recebem hoje Auxílio Brasil

A Caixa Econômica Federal paga hoje (28) a parcela de junho do Auxílio Brasil aos beneficiários com Número de Inscrição Social (NIS) de final...
Leia mais
b22b4e93-0467-467c-a1aa-23aaeff4d789

TCE julga ilegais contratações da Secretaria de Educação do Estado

Foto: reprodução

A Primeira Câmara do Tribunal de Contas julgou ilegais, na manhã desta terça-feira (15), 317 contratações temporárias para o exercício de diversas funções, realizadas pela Secretaria de Educação de Pernambuco (SEE-PE) no 3º quadrimestre de 2018. A relatoria do processo (TC nº 1924304-2) foi do conselheiro substituto Adriano Cisneiros.

A decisão foi motivada por irregularidades encontradas pelos auditores do TCE nos atos das contratações. De acordo com o relatório técnico, as contratações não atenderam aos requisitos estabelecidos pela Constituição Federal que consagra o concurso público como regra geral para a investidura de cargo público no país.

Além disso, as admissões aconteceram no período de três meses antes do último pleito eleitoral, afrontando a legislação que proíbe o aumento de despesas nos últimos 180 dias de mandato eletivo (Lei de eleições e Lei de Responsabilidade Fiscal).

O relator destacou ainda que, na época, o percentual de despesas com pessoal em relação à Receita Corrente Líquida era de 46,55% e se encontrava acima do limite prudencial, o que é vedado pelo artigo 22 da LRF.

A gerente geral de Desenvolvimento de Pessoal e Relação de Trabalho da SEE-PE, Elizabeth Cavalcanti Jales, afirmou em sua defesa que apesar do serviço público de educação possuir caráter permanente, ele não impossibilita a existência de funções temporárias que atendam ao excepcional interesse público para a continuidade do ensino regular e de projetos especial da educação e que as 317 nomeações analisadas pelo TCE serviriam para a reposição temporária de professores do estado e para o funcionamento do Programa Nacional de Inclusão de Jovens.

Entretanto, o relator, Adriano Cisneiros, levou em conta que a prática vem sendo adotada de forma reincidente para suprir demandas permanentes do serviço público estadual e que várias dessas contratações foram analisadas e julgadas ilegais, na maioria dos casos, pelo Tribunal de Contas.

Deixe um comentário