Uncategorized

Em Pernambuco, 149 crianças e adolescentes estão aptos à adoção

Pernambuco ocupa atualmente o sexto lugar no ranking de estados que mais realizam adoções no País, de acordo com dados...
Leia mais
Uncategorized

Mulher que teve nome de ex tatuado no rosto desabafa: “Me matou por dentro”

Uma mulher teve o nome de seu ex-namorado tatuado no rosto após ter sido sequestrada e mantida em cárcere pelo...
Leia mais
Uncategorized

Madrasta confessa que atirou criança do 4º andar em Alagoas

A madrasta do garoto de 6 anos, que foi atirado do 4º andar de um prédio, no bairro do Benedito Bentes,...
Leia mais
Uncategorized

Prazo de convocação de candidatos do Fies termina nesta quinta-feira

O prazo para a convocação dos candidatos inscritos na lista de espera para o primeiro processo seletivo de 2022 do...
Leia mais
Uncategorized

OMS: não há urgência para vacinação contra varíola dos macacos

A Organização Mundial da Saúde (OMS) não acredita que o surto de varíola dos macacos fora da África exija vacinações...
Leia mais
Uncategorized

Governo reduz imposto de importação de vários produtos

O governo federal decidiu pela redução de 10% nas alíquotas do imposto de importação sobre vários produtos. O objetivo é,...
Leia mais
Uncategorized

Policiais prendem indivíduo e erradicam roça de maconha na Fazenda Garrote Morto, no Sertão de Pernambuco

Neste domingo (22), durante atuação conjunta entre as equipes do GATI, Malhas da Lei e NIS-2, todos da 1ª CIPM,...
Leia mais
Uncategorized

Partidos têm até dia 31 para pedir registro de federações partidárias

Até o dia 31 deste mês, a Justiça Eleitoral encerra o prazo para a oficialização de federações partidárias. Inédita no país, a nova...
Leia mais
Uncategorized

Enxaqueca requer tratamento médico, alerta neurologista

No mês de conscientização da cefaleia, o neurologista Leandro Calia, membro da Sociedade Brasileira de Cefaleia (SBC) e do corpo...
Leia mais
Uncategorized

Agência Brasil explica: como fazer declaração retificadora do IR

O prazo para a entrega da Declaração do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) termina no próximo dia 31. Se o contribuinte...
Leia mais
Uncategorized

Noite do Piseiro é o esquenta para a reabertura do Kazarão Clube em Ouricuri dia 04 de junho

Depois de mais de 2 anos cheio de adiamentos por conta principalmente do avanço da pandemia e por diversos artistas...
Leia mais
Uncategorized

Divulgado o resultado do concurso para o Censo 2022 do IBGE

O resultado do processo seletivo simplificado (PSS) do Censo Demográfico 2022, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), foi...
Leia mais
b22b4e93-0467-467c-a1aa-23aaeff4d789

Suspeito de corrupção, Salles entrega celular à PF 19 dias depois de buscas

O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, entregou seu celular à Polícia Federal nesta segunda-feira, 7, 19 dias após ser alvo de buscas da Operação Akuanduba – investigação sobre supostos crimes de corrupção, advocacia administrativa, prevaricação e facilitação de contrabando na exportação de madeira do País. Ao informar o Supremo Tribunal Federal sobre a apresentação do aparelho às autoridades, os advogados do aliado do presidente Jair Bolsonaro alegaram que o celular ‘não foi requerido na data da diligência’.

O movimento de Salles acontece após o ministro Alexandre de Moraes, relator da Akuanduba, dar cinco dias para que a Procuradoria-Geral da República se manifestasse sobre a possibilidade de afastamento e prisão do ministro do Meio Ambiente, solicitada em uma notícia de fato que acusou Salles de suposta obstrução de Justiça por não entregar seu celular à PF no dia em que a ofensiva foi deflagrada, no dia 19 de maio.

“[A advogada] alega que, ao ocultar seu celular e mudar o número de telefone no curso das investigações (conforme noticiado no Jornal Nacional), delas tendo ciência, o noticiado, que como Ministro tem dever legal de cumprir ordens judicias de outros Poderes, incorreu, em tese, em tipos penais e de improbidade administrativa, visando obstruir a aplicação da lei penal e embaraçando a investigação de organização criminosa transnacional. Requer, assim, ‘seja decretado o afastamento cautelar do Ministro Ricardo Salles e sua prisão em flagrante, pois continua descumprindo a ordem do STF; subsidiariamente, sua prisão preventiva, por estar ameaçando a colheita de provas e a aplicação da lei penal’. É o breve relato. Abra-se vista à Procuradoria-Geral da República para manifestação”, escreveu Alexandre em despacho assinado nesta sexta-feira, 4.

Deixe um comentário