Uncategorized

INSS paga aposentadorias com reajuste a partir desta terça-feira

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) inicia nesta terça-feira (25), o pagamento de aposentadorias com o valor reajustado para 2022....
Leia mais
Uncategorized

Gestão de Miguel Coelho é aprovada por 88% dos petrolinenses, diz Ipespe

Foto: Deivid Menezes/PMP O prefeito de Petrolina, Miguel Coelho (DEM), tem a sua administração aprovada por 88% da população do...
Leia mais
Uncategorized

Araripina: Polícia apreende moto clonada

Foto: 9ª CIPM/divulgação Um comerciante foi detido em Araripina (PE), Sertão do Araripe, na tarde de ontem (24), após vender...
Leia mais
Uncategorized

Cidade do Ceará, que imunizou todos os adultos, não tem nenhuma morte por Covid há sete meses

O Globo Uma cidade cearense demonstra com clareza absoluta a importância das vacinas contra a Covid. Longe das praias de...
Leia mais
Uncategorized

Brasileiros têm bilhões a receber de bancos e não sabem. Veja como descobrir se você é um deles

O Banco Central (BC) lançou um serviço que permite aos cidadãos checarem se têm dinheiro a receber de instituições financeiras....
Leia mais
Uncategorized

Governo discute diminuição do intervalo da Pfizer a crianças de 5 a 11 anos

O governo federal discute a possibilidade de redução do intervalo entre as doses da vacina da Pfizer aplicadas em crianças...
Leia mais
Uncategorized

UFPE suspende aulas presenciais e adota modelo exclusivamente remoto por conta do aumento de casos de Covid

G1 A Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) anunciou, nesta segunda-feira (24), a suspensão das aulas presenciais e adoção de aulas...
Leia mais
Uncategorized

Pernambuco autoriza início da vacinação de crianças de 6 a 11 anos com CoronaVac

O governo de Pernambuco autorizou, nesta segunda-feira (24), a vacinação de crianças de 6 a 11 anos com a vacina...
Leia mais
Uncategorized

Caixa paga Auxílio Brasil a cadastrados com NIS final 6

A Caixa paga nesta terça-feira (25) o Auxílio Brasil a beneficiários com Número de Inscrição Social (NIS) final 6. O valor mínimo...
Leia mais
Uncategorized

Distribuição de sementes beneficia 23.833 agricultores do Araripe

Os agricultores da Região de Araripina começam a receber as sementes do Programa Campo Novo, do Instituto Agronômico de Pernambuco...
Leia mais
Uncategorized

Pico de casos de Covid-19 deve ocorrer em fevereiro, diz Queiroga

O Ministério da Saúde prevê que o pico de casos de Covid-19 ocorrerá no mês de fevereiro, devido ao avanço da variante Ômicron ,...
Leia mais
Uncategorized

Rosa Weber pede à PGR apuração sobre atraso na vacinação infantil

Rosinei Coutinho/ STF Ministra do STF, Rosa Weber A ministra Rosa Weber, do Supremo Tribunal Federal (STF), encaminhou para a...
Leia mais
b22b4e93-0467-467c-a1aa-23aaeff4d789

Governo federal alerta para a pior seca em 111 anos

O governo emitiu alerta de emergência hídrica para o período de junho a setembro em cinco estados brasileiros – Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso do Sul, São Paulo e Paraná. Todos estão na bacia do Rio Paraná, onde se concentra parte da produção agropecuária e grandes hidrelétricas. Na região, a situação é classificada como “severa” e a previsão é de pouco volume de chuvas para o período.

É o primeiro alerta dessa natureza em 111 anos de serviços meteorológicos do país. A medida corrobora as declarações do presidente Jair Bolsonaro e do ministro das Minas e Energia, Bento Albuquerque, de que o Brasil enfrenta a maior crise hídrica dos últimos tempos.

O alerta foi divulgado de forma conjunta na sexta-feira (28) pelo Sistema Nacional de Meteorologia (SNM), órgãos federais ligados à meteorologia, a Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA) e o Centro Nacional de Monitoramento e Alerta de Desastres Naturais (Cemaden).

No documento, as instituições reforçam que a emergência hídrica é associada à escassez de precipitação na região hidrográfica e a previsão de que o cenário persista até setembro.

De acordo com o SNM, o déficit de precipitação na bacia do Paraná está provavelmente relacionado à influência de dois fenômenos atmosféricos de grande escala. O primeiro é La Niña, de outubro de 2020 a março de 2021. O fenômeno traz resfriamento das águas do Oceano Pacífico, diminui a temperatura da superfície do mar, altera o padrão de circulação global e, entre as características do período, reduziu chuvas no sul do Brasil.

Deixe um comentário