Uncategorized

Brasil registra 1ª cirurgia contra diabetes tipo 2 feita com robô

O empresário Edmilson Dalla Vecchia Ribas, 61 anos, foi o primeiro paciente com diabetes do tipo 2 submetido à cirurgia...
Leia mais
Uncategorized

Covid-19: Brasil registra 557,2 mil mortes e 19,95 milhões de casos

As mortes em consequência da covid-19 chegaram a 557.223 no Brasil. Nas últimas 24 horas, autoridades de saúde registraram 389...
Leia mais
Uncategorized

Bolsonaro lança programa que levará água potável a escolas do Nordeste

O governo federal lançou nesta segunda-feira (2) o Programa Água nas Escolas, que prevê, na primeira etapa, a construção de...
Leia mais
Uncategorized

Homem é preso acusado de estuprar quatro netas de ex-companheira na Bahia

Um homem de 62 anos, que não teve a identidade revelada, foi preso no povoado de Lagoa Dourada, zona rural...
Leia mais
Uncategorized

PRF inicia fiscalização do exame toxicológico de motoristas em todo o país

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) iniciou neste domingo (01) em todo o Brasil uma nova etapa da fiscalização do exame toxicológico...
Leia mais
Uncategorized

Pernambuco soma mais 524 casos e 14 óbitos

A Secretaria Estadual de Saúde (SES) registrou em Pernambuco, nesta segunda-feira (2), mais 524 casos do novo coronavírus (Covid-19). Entre...
Leia mais
Uncategorized

Escolas particulares de Pernambuco podem voltar com 100% da capacidade e respeito ao distanciamento

Após um longo período de pausas nas atividades presenciais e rodízios com aulas remotas, as escolas particulares de Pernambuco voltaram...
Leia mais
Uncategorized

Inscrições para o Sisu começam nesta terça-feira

Estudantes de todo o país que participaram da última edição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e que pretendem...
Leia mais
Uncategorized

MPs de todo o Brasil iniciam campanha de conscientização de vítimas de violência

O Grupo Nacional de Coordenadores de Centro de Apoio Criminal (GNCCRIM), órgão vinculado ao Conselho Nacional de Procuradores-Gerais dos Ministérios...
Leia mais
Uncategorized

‘Não comento falas do presidente’, diz Mourão após nova declaração de Bolsonaro

O presidente Jair Bolsonaro voltou a falar de seu vice-presidente, Hamilton Mourão, durante entrevista para a rádio ABC de Novo...
Leia mais
Uncategorized

Laudo aponta ausência de lesões nas mãos do marido de Joice Hasselmann, diz defesa

O laudo do exame de corpo de delito feito no marido da deputada federal Joice Hasselmann (PSL-SP), o neurocirurgião Daniel...
Leia mais
Uncategorized

Exu: Corpo com sinais de afogamento é encontrado dentro de cacimba

O corpo de um homem de 44 anos foi localizado por policiais militares do 7º Batalhão (BPM) em Exu (PE),...
Leia mais
b22b4e93-0467-467c-a1aa-23aaeff4d789

Tribunal de Contas condena ex-prefeito João Paulo a devolver R$ 18 milhões aos cofres públicos

O ex-prefeito do Recife, João Paulo Lima e Silva, Ontem, deputado estadual, foi condenado pela Segunda Câmara do Tribunal de Contas de Pernambuco, a ressarcir o Erário municipal em R$ 18.095.740,00, em valores de 2004, por ter realizado o pagamento por serviços cuja prestação não ficou comprovada, contratados à consultoria Finatec à época em que comandou a Capital pernambucana pelo Partido dos Trabalhadores. João Paulo hoje está no PC do B, mas negocia seu retorno às hostes petistas visando à vaga de vice-governador na chapa a ser encabeçada pelo PSB.

A auditoria do TCE/PE constatou que os serviços contratados não foram executados pela Finatec e cita como exemplo, a utilização de um documento produzido pela Emprel e que foi copiado literalmente pela Finatec como se fosse seu.

O ex-prefeito João Paulo havia sido condenado criminalmente pela dispensa de licitação que deu ensejo à contratação da Finatec, mas foi absolvido pelo Tribunal de Justiça de Pernambuco, que considerou sua conduta atípica.

A defesa do ex-prefeito ainda tentou se utilizar da decisão do TJPE para livrá-lo da condenação administrativa, porém, a relatora Conselheira Substituta Alda Magalhães e os demais Conselheiros, Marcos Loreto e Teresa Duere consideraram a independência das instâncias, bem como a distinção dos delitos apreciados, já que na Justiça Criminal foi afastada a prática do crime de dispensa ilegal de licitação, por ausência de dolo, ao passo que as irregularidades levantadas pelo TCE/PE dizem respeito à fase posterior à dispensa, qual seja a execução do próprio contrato, quando restou comprovado, segundo o TCE/PE que João Paulo e outros assessores de sua gestão teriam pago por serviços não prestados, incidindo em improbidade administrativa, inclusive.

Apesar de julgar a auditoria procedente, reconhecendo as irregularidades, o Conselheiro Marcos Loreto divergiu quanto à obrigação de ressarcimento ao Erário. Entretanto, como a Conselheira Teresa Duere acompanhou integralmente a relatora Conselheira Substituta Alda Magalhães, por maioria de votos, prevaleceu o dever de ressarcimento.

Da decisão ainda cabe recurso.

Deixe um comentário