Uncategorized

“Natal Luz e Amor que Transforma” celebra a magia do Natal em Ouricuri

Quem passa pelas avenidas e no entorno da praça Frei Damião já pode perceber a movimentação e o clima contagiante...
Leia mais
Uncategorized

Operação Lei Seca completa uma década de atuação em Pernambuco

Foto: divulgação A Operação Lei Seca (OLS) em Pernambuco completa, neste mês, uma década de atuação junto aos motoristas pernambucanos...
Leia mais
Uncategorized

Bolsonaro é o melhor cabo eleitoral que Moro poderia ter

Desde o início do governo, o presidente Jair Bolsonaro fazia tudo errado e dava certo para ele. A partir de certo momento,...
Leia mais
Uncategorized

Brasil já aplicou ao menos uma dose de vacina em 90% dos adultos acima dos 18 anos

O Ministério da Saúde anunciou que o Brasil alcançou, nesta quinta-feira, a marca de 90% do público-alvo (população adulta) vacinado...
Leia mais
Uncategorized

Carnaval de Pernambuco pode ser realizado em formato diferente em 2022

O Carnaval de Pernambuco de 2022 pode ser modulado, informou o secretário de Saúde do Estado, André Longo, em coletiva...
Leia mais
Uncategorized

Flexibilização de máscara em Pernambuco cai por terra

Pernambuco voltou atrás na decisão de liberar o uso de máscara ao atingir 80% da população vacinada, como estava previsto...
Leia mais
Uncategorized

Deputado do PL é flagrado com dinheiro que seria do orçamento secreto

Em imagens divulgadas pela revista Crusoé, Josimar de Maranhãozinho, deputado do Partido Liberal, aparece manuseando maços de dinheiro que, segundo a Polícia Federal,...
Leia mais
Uncategorized

Araripina: Polícia investiga suposto abuso sexual em criança

Foto: Blog do Roberto Ao dar entrada na UPA, a criança apresentava quadro clínico de obstrução do reto por algum...
Leia mais
Uncategorized

Vale-gás não consegue cobrir metade do custo do botijão em 17 estados

Sancionado na última semana pelo presidente Jair Bolsonaro, o auxílio previsto no programa Gás dos Brasileiros começará a ser pago...
Leia mais
Uncategorized

Presidente regulamenta auxílio gás e Programa Alimenta Brasil

O presidente Jair Bolsonaro editou nesta quinta-feira (2) decreto que regulamenta a Lei 14.237/21, que institui o auxílio gás. O texto...
Leia mais
Uncategorized

PEC: Gleisi se diz surpresa com votos favoráveis de senadores petistas

A decisão da maioria dos senadores do PT de votar a favor da PEC dos Precatórios irritou a presidente nacional...
Leia mais
Uncategorized

Ministério confirma cinco casos da variante Ômicron no Brasil

O Ministério da Saúde confirmou nesta quinta-feira (2) cinco casos da variante Ômicron no Brasil – três em São Paulo e...
Leia mais
b22b4e93-0467-467c-a1aa-23aaeff4d789

Tribunal de Contas condena ex-prefeito João Paulo a devolver R$ 18 milhões aos cofres públicos

O ex-prefeito do Recife, João Paulo Lima e Silva, Ontem, deputado estadual, foi condenado pela Segunda Câmara do Tribunal de Contas de Pernambuco, a ressarcir o Erário municipal em R$ 18.095.740,00, em valores de 2004, por ter realizado o pagamento por serviços cuja prestação não ficou comprovada, contratados à consultoria Finatec à época em que comandou a Capital pernambucana pelo Partido dos Trabalhadores. João Paulo hoje está no PC do B, mas negocia seu retorno às hostes petistas visando à vaga de vice-governador na chapa a ser encabeçada pelo PSB.

A auditoria do TCE/PE constatou que os serviços contratados não foram executados pela Finatec e cita como exemplo, a utilização de um documento produzido pela Emprel e que foi copiado literalmente pela Finatec como se fosse seu.

O ex-prefeito João Paulo havia sido condenado criminalmente pela dispensa de licitação que deu ensejo à contratação da Finatec, mas foi absolvido pelo Tribunal de Justiça de Pernambuco, que considerou sua conduta atípica.

A defesa do ex-prefeito ainda tentou se utilizar da decisão do TJPE para livrá-lo da condenação administrativa, porém, a relatora Conselheira Substituta Alda Magalhães e os demais Conselheiros, Marcos Loreto e Teresa Duere consideraram a independência das instâncias, bem como a distinção dos delitos apreciados, já que na Justiça Criminal foi afastada a prática do crime de dispensa ilegal de licitação, por ausência de dolo, ao passo que as irregularidades levantadas pelo TCE/PE dizem respeito à fase posterior à dispensa, qual seja a execução do próprio contrato, quando restou comprovado, segundo o TCE/PE que João Paulo e outros assessores de sua gestão teriam pago por serviços não prestados, incidindo em improbidade administrativa, inclusive.

Apesar de julgar a auditoria procedente, reconhecendo as irregularidades, o Conselheiro Marcos Loreto divergiu quanto à obrigação de ressarcimento ao Erário. Entretanto, como a Conselheira Teresa Duere acompanhou integralmente a relatora Conselheira Substituta Alda Magalhães, por maioria de votos, prevaleceu o dever de ressarcimento.

Da decisão ainda cabe recurso.

Deixe um comentário