Uncategorized

Câmara aprova MP que permite inadimplentes abaterem até 99% de dívida do Fies

O plenário da Câmara dos Deputados aprovou nesta terça-feira (17) uma nova versão de uma Medida Provisória (MP) que permite...
Leia mais
Uncategorized

Mais de 90 bebês e crianças esperam vagas de UTI em Pernambuco; ‘situação é caótica’, diz médica

G1 O número de menores de idade que aguardavam vagas em Unidades de Terapia Intensiva (UTIs), nesta terça (17), chegou...
Leia mais
Uncategorized

Com Entrega de Obras, Veículos, Competições, Festa e Assinatura de Ordens de Serviço, Ouricuri Celebrou 119 Anos de Emancipação Política Neste Sábado, 14

A Prefeitura de Ouricuri realizou neste sábado, 14, de maio, o aniversário de 119 anos de emancipação política do município....
Leia mais
Uncategorized

Marília lidera com quase 29%; Raquel tem 16%, Miguel 13%, Anderson 12% e Danilo 7,1%

A pré-candidata do Solidariedade, Marília Arraes, lidera com 28,8% a corrida para o Governo de Pernambuco, segundo levantamento do Paraná...
Leia mais
Uncategorized

Desaprovação de Paulo Câmara piora e chega a 67,3% em Pernambuco, diz Paraná Pesquisa

No levantamento de maio, o Paraná Pesquisa divulgou também na manhã de hoje a avaliação e aprovação da administração Paulo...
Leia mais
Uncategorized

Bolsonaro indica que pode trocar novamente o presidente da Petrobras

O presidente Jair Bolsonaro colocou a decisão sobre a permanência do atual comando da Petrobras nas mãos do novo ministro das...
Leia mais
Uncategorized

Em Pernambuco novas Delegacias da Mulher entram em funcionamento no próximo mês, diz deputada

A deputada estadual Delegada Gleide Ângelo esteve com o chefe da Polícia Civil do Estado, Delegado Nehemias Falcão, o subchefe...
Leia mais
Uncategorized

Inscrições para a segunda etapa do Revalida 2022 terminam amanhã

Termina nesta terça-feira (17) o prazo para inscrições na segunda etapa do Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos Expedidos por Instituições de Educação Superior Estrangeira (Revalida)...
Leia mais
Uncategorized

Inscrições para o Enem 2022 terminam no sábado

Os interessados em participar do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) têm até o próximo sábado (21) para fazer a...
Leia mais
Uncategorized

Irregularidade em consignado gera sanções a correspondentes bancários

Em março deste ano, 21 novas medidas administrativas a empresas por irregularidades na oferta de crédito consignado foram aplicadas por...
Leia mais
Uncategorized

Entrega de declarações do Imposto de Renda 2022 ultrapassa 22 milhões

Mais de 22 milhões de declarações do Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF) 2022, ano-calendário 2021, foram entregues à...
Leia mais
Uncategorized

Inep publica edital do Encceja 2022

Já está publicado no Diário Oficial da União (D.O.U) desta segunda-feira(16), o edital do Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens...
Leia mais
b22b4e93-0467-467c-a1aa-23aaeff4d789

Instituto opinião divulga primeira pesquisa para governador em PE

Na primeira pesquisa de intenção de voto para governador de Pernambuco em 2022, do Instituto Opinião (PB), postada abaixo, com exclusividade para o blog do Magno Martins, algumas constatações naturais, dentre elas uma irrefutável: o pré-candidato das forças governistas, ex-prefeito do Recife, Geraldo Júlio (PSB), não desponta com o potencial eleitoral que muitos aliados imaginavam. Mais do que isso, é detentor de uma rejeição que, dificilmente, pode ser revertida num curto espaço de tempo.

Para quem ficou na vitrine nos últimos oito anos, prefeito eleito e reeleito da capital, onde está concentrado o maior reduto eleitoral do Estado, largar com menos de 7% é algo muito preocupante. Na verdade, tecnicamente, Geraldo está situado num empate técnico com o prefeito de Petrolina, Miguel Coelho (MDB), uma cara ainda desconhecida na área metropolitana, com forte inserção apenas no Sertão, notadamente o Vale do São Francisco, onde tem quase metade das intenções de voto – 48%.

Além de estar entre os lanternas, Geraldo é o nome mais rejeitado entre todos os pré-candidatos. Outro dado que o coloca numa situação ainda mais delicada: Zé Neto (PSB), secretário da Casa Civil, fora da mídia, que ganhou um pequeno espaço apenas com a lembrança do seu nome pelo líder do Avante na Câmara, Sebastião Oliveira, já pontua na pesquisa, mesmo timidamente com 2,5%, sinal de que, vindo a ser colocado na vitrine, pode atrapalhar o projeto de Geraldo de ser escolhido, consensualmente.

A pesquisa, na verdade, foi boa para as novas caras com sonho majoritário – Raquel Lyra (PSDB), Anderson Ferreira (PL) e Miguel Coelho, respectivamente à frente dos governos de Caruaru, Jaboatão e Petrolina. Bingo para Raquel, que, além de aparecer em segundo lugar num cenário em que seu nome é misturado com todos os eventuais concorrentes, chega a liderar quando o Opinião testa um segundo cenário para governador substituindo Marília Arraes pelo senador Humberto Costa (ambos do PT).

O cenário, eventualmente, é de empate técnico, mas não deixa de ser alentador para Raquel por estar à frente de todos, numericamente. Avaliando o quadro mostrado pela pesquisa, todos os candidatos da oposição são, sem dúvida, competitivos. Anderson Ferreira, por exemplo, tem, teoricamente, mais aderência na Região Metropolitana do que Marília, na medida em que a petista aparece com mais intenção de voto na Zona da Mata do que mesmo na Metropolitana.

Quanto a Miguel, não foi nenhuma surpresa os números bastante favoráveis na região em que é de fato conhecido e tem serviços prestados como prefeito de Petrolina, o Vale do São Francisco, adentrando, também, com bons percentuais de intenção de voto no restante do semiárido, do Sertão Central, cujo epicentro é Salgueiro, ao Sertão do Araripe, Pajeú e Moxotó. O grande desafio de Miguel, conforme mostra a pesquisa, é ganhar a simpatia do eleitorado do Grande Recife e Zona da Mata.

Se outros fatores externos não tiverem o peso que se espera na sucessão estadual, como a nacionalização da eleição com Lula candidato ao Planalto e aliado do PSB em Pernambuco, as oposições têm quadros competitivos que, bem trabalhados, podem se traduzir numa ameaça à retomada do poder das mãos dos socialistas desde que Eduardo Campos foi eleito em 2006.

Deixe um comentário