Uncategorized

Gestão de Miguel Coelho é aprovada por 88% dos petrolinenses, diz Ipespe

Foto: Deivid Menezes/PMP O prefeito de Petrolina, Miguel Coelho (DEM), tem a sua administração aprovada por 88% da população do...
Leia mais
Uncategorized

Araripina: Polícia apreende moto clonada

Foto: 9ª CIPM/divulgação Um comerciante foi detido em Araripina (PE), Sertão do Araripe, na tarde de ontem (24), após vender...
Leia mais
Uncategorized

Cidade do Ceará, que imunizou todos os adultos, não tem nenhuma morte por Covid há sete meses

O Globo Uma cidade cearense demonstra com clareza absoluta a importância das vacinas contra a Covid. Longe das praias de...
Leia mais
Uncategorized

Brasileiros têm bilhões a receber de bancos e não sabem. Veja como descobrir se você é um deles

O Banco Central (BC) lançou um serviço que permite aos cidadãos checarem se têm dinheiro a receber de instituições financeiras....
Leia mais
Uncategorized

Governo discute diminuição do intervalo da Pfizer a crianças de 5 a 11 anos

O governo federal discute a possibilidade de redução do intervalo entre as doses da vacina da Pfizer aplicadas em crianças...
Leia mais
Uncategorized

UFPE suspende aulas presenciais e adota modelo exclusivamente remoto por conta do aumento de casos de Covid

G1 A Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) anunciou, nesta segunda-feira (24), a suspensão das aulas presenciais e adoção de aulas...
Leia mais
Uncategorized

Pernambuco autoriza início da vacinação de crianças de 6 a 11 anos com CoronaVac

O governo de Pernambuco autorizou, nesta segunda-feira (24), a vacinação de crianças de 6 a 11 anos com a vacina...
Leia mais
Uncategorized

Caixa paga Auxílio Brasil a cadastrados com NIS final 6

A Caixa paga nesta terça-feira (25) o Auxílio Brasil a beneficiários com Número de Inscrição Social (NIS) final 6. O valor mínimo...
Leia mais
Uncategorized

Distribuição de sementes beneficia 23.833 agricultores do Araripe

Os agricultores da Região de Araripina começam a receber as sementes do Programa Campo Novo, do Instituto Agronômico de Pernambuco...
Leia mais
Uncategorized

Pico de casos de Covid-19 deve ocorrer em fevereiro, diz Queiroga

O Ministério da Saúde prevê que o pico de casos de Covid-19 ocorrerá no mês de fevereiro, devido ao avanço da variante Ômicron ,...
Leia mais
Uncategorized

Rosa Weber pede à PGR apuração sobre atraso na vacinação infantil

Rosinei Coutinho/ STF Ministra do STF, Rosa Weber A ministra Rosa Weber, do Supremo Tribunal Federal (STF), encaminhou para a...
Leia mais
Uncategorized

SANTA CRUZ DA VENERADA – GATI PRENDE LADRÕES DE BODE NA FAZENDA CRUZ

Por volta das 14:30 de sexta-feira 21/01, policiais militares do 7º BPM, durante patrulhamento ostensivo, foram acionados pela Central de...
Leia mais
b22b4e93-0467-467c-a1aa-23aaeff4d789

Deputado pernambucano protocola na Câmara Federal PL que institui piso nacional para Enfermagem

(Foto: Divulgação)

O deputado federal Eduardo da Fonte (PP-PE) protocolou na Câmara dos Deputados um projeto de lei (PL 1768/21) que institui o piso salarial nacional para profissionais de enfermagem. O valor proposto é de R$ 7,7 mil para enfermeiro; 70% deste valor para técnico de enfermagem e 50% para auxiliar de enfermagem e parteira. O piso considera ainda a jornada de trabalho de 30 horas semanais.

Nosso projeto contempla trabalhadores da rede pública e privada que trabalham arduamente para atender nossa população. Em muitas situações, são eles os responsáveis pelo primeiro atendimento de quem precisa de um posto de saúde ou de um hospital. O momento é mais do que oportuno, a pandemia evidenciou o comprometimento desses profissionais com os brasileiros“, afirmou Eduardo da Fonte.

A proposta chegou ao gabinete do parlamentar pela deputada estadual Roberta Arraes (PP), que recebeu o pleito dos profissionais da Enfermagem, e também conta com o apoio do presidente do PP no Recife, Lula da Fonte.

Protesto

Ontem (11), profissionais da área realizaram um protesto em Petrolina para pedir a implantação do piso nacional da categoria. Participam da mobilização enfermeiros, técnicos e auxiliares de enfermagem, que reclamam – além da falta do piso – das cargas horárias diferentes nessas categorias. Via blog do Carlos Britto

Deixe um comentário